23 setembro, 2011

José Nisa. Morreu um Homem da Liberdade.

Morreu o José Nisa. Ainda estou um pouco incrédulo. Conheci-o em 1976 e, desde esse, dia habituei-me a admirá-lo como político, como artísta, como homem de cultura e, acima de tudo, como um ser humano de inegável elevação. Há poucos meses atrás encontrei-o, pela última vez, em Santarém. Quisemos saber um do outro e despedimo-nos com um abraço. A sua morte é uma grande perda.

Sem comentários: